segunda-feira, 4 de julho de 2011

70 “religiosos” contra 1 gay em Brasília



Por que AINDA não existem leis federais que reconheçam os direitos gays no Brasil?

No cenário político temos mais de 70 políticos na bancada religiosa, contra APENAS um só gay, o Deputado Jean Wyllys, se realmente quisermos que a PLC 122, projeto que criminaliza homofobia de autoria da ex deputada Iara Bernades, e que a PEC do casamento gay de autoria do deputado Jean Wyllys sejam aprovadas, precisamos de mais deputados e senadores gays em Brasília para encarar de igual para igual a bancada “religiosa”.


Lembrando que, os religiosos querem acabar com os homossexuais no Brasil, porque eles acreditam que a bíblia e a palavra de Deus, e lá ta escrito que a homossexualidade é pecado e abominável aos olhos de Deus. (GN 2:4-25, 19:1-29, LV 18:22, 20:13, I CO)

Vamos conquistar nossa voz e não depender da voz de "simpatizantes", que segundo a própria Marta Suplicy, várias dessas vozes “simpatizantes” se acorvadaram, será que se acorvadaram diante de MILHHÕES de e-mails que evangélicos mandaram EXIGINDO que a homofobia não seja criminalizada?

Algo para se pensar...

O movimemnto gay consegue colocar 4 milhões de pessoas na paulista, mas não consegue eleger um só gay! Aonde será que o movimento gay está errando?

Já passou da hora de para de festejar e começar a brigar pelos direitos gays!