terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Senador Magno Malta é um religioso fanático?



Senador evangélico Magno Malta afirma que é contra a lei que proíbe pais de agredirem os filhos (lei da palmada). Ele disse: “É lógico, que sou contra qualquer tipo de violência, mas Deus permitiu as mães corrigirem os filhos com palmadas”.

O Senador só fala isso porque ele acredita na bíblia, e na mesma está escrito:

"Não evite disciplinar a criança; se você a castigar com a vara, ela não morrerá. Castigue-a, você mesmo, com a vara, e assim a livrará da sepultura" (Provérbios 23.13-14).

"A insensatez está ligada ao coração da criança, mas a vara da disciplina a livrará dela" (Provérbios 22.15).

"A vara da correção dá sabedoria, mas a criança entregue a si mesma envergonha a sua mãe" (Provérbios 29.15).

. "Quem se nega a castigar seu filho não o ama; quem o ama não hesita em discipliná-lo" (Provérbios 13.24).


O que mais assusta é que se os castigos físicos contra criança não adiantarem o pais podem mandar matar a criança.

(Dt 21:18-21) 18 Se alguém tiver um filho contumaz e rebelde, que não obedece à voz de seu pai e à de sua mãe e, ainda castigado, não lhes dá ouvidos,
19 seu pai e sua mãe o pegarão, e o levarão aos anciões da cidade, à sua porta,
20 e lhes dirão: Este nosso filho é rebelde e contumaz, não dá ouvidos à nossa voz, é dissoluto e beberão.
21 Então, todos os homens da sua cidade o apedrejarão até que morra; assim, o mal do meio de ti; todo o Israel ouvirá e temerá.


Será que o Senador vai criar um projeto de lei que permite pena de morte para crianças desobedientes?